Cultura

Museu Britânico acrescenta à coleção uma nota falsa de Banksy

O museu britânico adquiriu a sua primeira obra do artista anónimo Banksy. Intitulada de Di-faced Tenner, trata-se de uma das 100 cópias produzidas pelo artista de uma nota de 10 libras com a imagem da Princesa Diana e a frase: “Eu prometo pagar ao portador o preço final”.

Não será a primeira vez que uma obra de Banksy será exposta no Museu Britânico – uma imitação de pintura rupestre criada pelo mesmo já tinha sido emprestada ao museu para participar numa exposição sobre dissidência e protesto. Contudo, desta vez, a obra foi doada por um representante do artista, e passará a fazer parte da coleção de moedas e medalhas. 

Tom Hockenhull, curador de dinheiro no museu, disse ao The Guardian que há vários anos que tentava apoderar-se de uma Tenner verdadeira para adicionar à coleção de notas e ou paródias de notas reais do museu. 

“O problema é que, porque [Banksy] estava efetivamente produzindo-as como fotocópias, qualquer outra pessoa poderia fazer o mesmo, então não havia como realmente verificar se elas eram ou não de Banksy”, acrescenta Hockenhull.

A obra irá juntar-se a peças como a nota de restrição bancária feita em 1820 pelo célebre caricaturista George Cruikshank, que mostrava 11 pessoas a ser enforcadas para ilustrar o custo humano da política do Banco da Inglaterra na época.

0 comments on “Museu Britânico acrescenta à coleção uma nota falsa de Banksy

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s