País Tecnologia

Família inglesa conta ao The Guardian sobre férias sem tecnologia em Portugal

“Mas o que vamos lá fazer?”, perguntou o filho de Trish Lorenz, redatora do The Guardian. “Vai ser tão boring“, adicionou. O “lá” a que ele se refere é à Serra da Lousã, em Portugal e a parte enfadonha é às cerca de 100 horas sem acesso a qualquer tipo de ecrã.

Com 9 anos ele é apenas “um produto do seu tempo”, admite Lonrez. De acordo com um estudo publicado esta semana pela Amazon, 83% dos pais britânicos levam um tablet nas férias para entreter as crianças. Assim, não é difícil de perceber que o dia perfeito se resume a olhar para um ecrã – desde ver vídeos no YouTube a jogar em plataformas online.

A família inglesa ficou hospedada na Cerdeira Village, numa tarde chuvosa de abril. “A chuva levou os moradores para dentro de casa e o silêncio, as montanhas que chegam às nuvens, e a aldeia de pedra com caminhos sinuosos deram à vila um sentimento de ‘O Senhor dos Anéis'”, escreveu.

Depois de instalados, veio a preocupação: como ocupar as horas sem tecnologia? “Acendemos a lareira, olhamos para ela durante um momento e, atraídos pela sua tranquilidade e pelo som da chuva no telhado, decidimos ler”, conta. Não durou muito tempo. Dez minutos depois a criança já estava assustada com o silêncio instaurado.

Mas a escapadinha tinha recém começado e a sensação de enfadamento foi dissipando à medida em que as atividades iam acontecendo: jogos de tabuleiro, fazer o jantar em família e contar histórias à lareira até adormecer foram algumas que Trish relatou.

No final, o balanço foi positivo para a família inglesa. Apesar de os quatro dias não os “ter curado do vício” – no pequeno-almoço confessa que conferiu algumas mensagens e updates no telemóvel. Mas a urgência “do ter que saber o que está a acontecer” foi desaparecendo.

No regresso a casa, já com o tablet no pensamento, a criança de 9 anos olha para a floresta e para as montanhas no horizonte e pergunta: “Quando acham que vamos regressar?”.

2 comments on “Família inglesa conta ao The Guardian sobre férias sem tecnologia em Portugal

  1. Pingback: The New York Times: “Nos Açores, o menu inclui café, chá e tradição” – ( The Panorama News )

  2. Pingback: As amas “polícias” da tecnologia já chegaram a Silicon Valley – ( The Panorama News )

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s