Desporto

Mundial Futebol 2018: Televisão x Internet

O último Mundial de Futebol decorreu no Brasil, em 2014, e teve mais de mil milhões de espetadores a assistir à final que teve a Alemanha como grande vencedora. Este ano, a final acontece já no próximo domingo, 15 de julho, e espera-se que quebre esse recorde ao chegar aos 3,4 mil milhões em todo o mundo, segundo a britânica Global Web Index (GWI).

Já no campeonato das plataformas onde se vai assistir ao vencedor deste ano, é a televisão quem ganha com 37% dos utilizadores a serem fieis à caixinha mágica – contra os 18% que apenas admitem que vão assistir a final pela internet. No entanto, e em clima de fairplay, outros 47% admitem que não se importam em qual o formato em que será transmitida desde que a consigam ver.

O mesmo estudo aponta ainda que os fãs do desporto-rei tendem para uma determinada segmentação de atitude: 62% tem uma consciência da privacidade; 46% são altruístas; 43% são aspiracionais e status seeker; e 38% são tecnófilos.

Ora, se os dividíssemos em gerações e pelo formato em que cada um vai seguir o último jogo do Mundial de Futebol 2018 na Rússia, chegaríamos a estes resultados:

Gen Z: 16-20; Millennials: 21-34; Gen X: 35-53; Baby Boomers: 54-64; Fonte: GWI 2018

O estudo publicado pela GWI foi realizado em 38 países e foram inquiridos mais de 80 mil utilizadores de internet, entre os 16 e os 64 anos.

0 comments on “Mundial Futebol 2018: Televisão x Internet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s